Vamos pedalar?

segunda-feira, março 05, 2012

Olá meninas, que tal da uma volta de bicicleta pela sua cidade em??

 

A bicicleta não é mais um meio de transporte, como antigamente era visto e usado por jovens e adultos que não tinham carro e para se deslocar para trajetos curtos. O tempo passou e as pessoas perceberam que o valor da bicicleta, não é só um meio de transporte, mas também como esporte. Nos dias de hoje o uso da bicicleta é tida como um excelente meio de transporte, pois não libera nenhum poluente e não causa danos ao meio ambiente e ainda da para fazer um exercício físico se deslocando de casa para o trabalho. Nas academias, as bicicletas também estão lá, paradinhas e usadas para exercícios aeróbicos, até competições começaram a serem disputas com bicicletas, desde ciclismo até mountain bike, as bicicletas conseguiram o seu espaço. E o que foi antes conhecido como um veículo ideal para quem não tinha carro foi deixando de lado esse estereótipo e passou a ser vista como uma fonte de exercícios. Mas mesmo assim ainda é muito difícil andar de bicicleta nas cidades grande, pois ainda falta estrutura. Só que já existe uma ciclovia ali, um bicicletário acolá e aos poucos as cidades estão se aperfeiçoando para conseguir ter um maior número de bicicletas na rua.

E você já esta pronta para tirar sua bicicleta da garagem? Confira 10 dicas para emagrecer e ainda ajudar o meio ambiente:

 

1. Emagrece: Andar de bike é um exercício aeróbico, portanto queima calorias. O valor exato varia de acordo com o peso, a altura, a idade e o ritmo de cada pessoa. Mas a média é de 400 calorias por hora (para uma mulher com 60 quilos).
2. Aumenta o fôlego: Quando você mexe o corpo, todo o organismo, especialmente os músculos, pede por oxigênio, que é o catalisador que transforma a glicose em energia. Aí os pulmões são obrigados a trabalhar mais rápido para garantir o suprimento dessa substância e a expulsão do gás carbônico (o resultado tóxico da reação). Quem pedala habitua os pulmões a essa sobrecarga.
3. Deixa as pernas torneadas: A musculatura dessa região é bem solicitada durante a pedalada. Resultado: coxas firmes e panturrilhas trabalhadas. O aumento de massa muscular, no entanto, é discreto – nada que se iguale a um treino de musculação. Mas como andar de bike também queima o excesso de gordura, a definição fica evidente.
4. Exercita a cabeça: O momento em que você está em cima da bike é aquele em que as grandes ideias surgem. Esse fato tem tudo a ver com o exercício. Fazer uma atividade aeróbica regular gera uma melhora significativa da memória e de outras habilidades mentais. Porém, isso regride quando você para de se exercitar.
5. Economiza dinheiro: Ao trocar o carro pela bike, você deixa de gastar uma tremenda grana com combustível. Isso significa um bom saldo na conta bancária.
6. Alivia o stress: Como qualquer outro exercício, pedalar estimula a produção de endorfina, neurotransmissor que dá a sensação de bem-estar. Ou seja: ao final da pedalada, você vai ganhar uma tremenda disposição para enfrentar o dia-a-dia.
7. Ajuda a salvar o planeta: Um dos gases responsáveis pelo efeito estufa é o dióxido de carbono (CO2). E a maior parte dele vem da queima de combustíveis. Esse gás, quando presente na atmosfera, forma uma barreira, impedindo que a radiação solar refletida pela superfície da Terra volte para o espaço – criando, assim, o efeito de uma estufa. Com isso, as temperaturas do ar, dos oceanos e dos lagos aumentam e as funções dos ecossistemas começam a mudar. Segundo especialistas, já existe um volume de CO2 na atmosfera que vai afetar a nossa vida por mais de 100 anos. Ao andar de bike, você não lança dióxido de carbono, ajudando a reduzir as concentrações do gás e deixando o planeta menos poluído.
8. Previne doenças: Se pesquisar a respeito das vantagens de praticar um esporte regularmente, vai perder alguns dias de tantos estudos que existem... Quem pedala mantém o organismo ativo e não deixa que vários mecanismos enferrujem. Você fica resistente a várias doenças, como osteoporose e problemas cardíacos.
9. Dribla os congestionamentos: A bicicleta é o segundo meio de transporte mais rápido nas grandes cidades na hora do rush, perdendo apenas para a moto. Mas é preciso ficar atenta às normas de segurança para circular no meio do trânsito (veja no site).
10. Facilita conhecer a cidade: Presa dentro do carro, você nem imagina quanta coisa bacana é possível encontrar nas ruas e avenidas da região onde mora. Sentada na bicicleta, além de sentir aquele vento gostoso no rosto, que dá sensação de liberdade, seu campo de visão se amplia e você consegue visualizar melhor o ambiente. Foi-se o tempo de que as pedaladas eram restritas aos homens, hoje a mulherada se faz presente nos parques, ciclovias, nas ruas e até mesmo em competições. Isso se comprova com o crescente número de participantes do sexo feminino nas competições, pois se algumas estão enfrentando duras maratonas é fato que existem muitas outras por trás, que pedalam com um grupo de amigos, equipes, ou as mais decididas criam grupos femininos onde o charme e os pedais andam lado a lado.



Um beijo e espero que vocês gostem e vamos pedalar.

Leia também

  1. Os efeitos da bicicleta são extraordinários mesmo. Mas eu ainda prefiro uma boa caminhada (e na academia a própria esteira). Mas é porque eu morro de medo de sair de bicicleta nas ruas, ja que não tenho o hábito e posso acabar capotando, ou perdendo o controle em algum lugar ''crucial'', ahuhauahuahauh. Mas, putz. Faz um benzão pra saúde, fisica, mental, psicologica. E como você disse, faz bem ao planeta e ao nosso bolso. Preciso pegar a manha e voltar a pedalar!!! Vai ser muito bom!!!

    ResponderExcluir
  2. Laurinha e é otimo isso viu, da uma volta no parque, na lagoa ou ate em uma praça. O ideal é pedalar. Ajuda a saúde e o nosso bolso. Quem dera eu poder sair pelas ruas de BH em uma bicicleta, mas meu joelho não permite. Mas os beneficios são otimos. Vamos pedalar viu Laurinha...rs
    beijos e volte viu

    ResponderExcluir